Por que a gestão financeira é tão importante nos negócios?

A gestão financeira é uma das responsabilidades mais importantes dos proprietários e gerentes de negócios. Eles devem considerar as consequências potenciais de suas decisões de gestão sobre os lucros, o fluxo de caixa e a situação financeira da empresa. As atividades de todos os aspectos de um negócio têm impacto no desempenho financeiro da empresa e devem ser avaliadas e controladas pelo proprietário do negócio.

Ciclos de vida de uma empresa

A maioria das empresas experimenta perdas e fluxos de caixa negativos durante o período de inicialização. A gestão financeira é extremamente importante durante este tempo. Os gerentes devem se certificar de que têm dinheiro suficiente para pagar os funcionários e fornecedores, embora tenham mais dinheiro saindo do que entrando durante os primeiros meses do negócio. Isso significa que o proprietário deve fazer projeções financeiras desses fluxos de caixa negativos para que tenha uma ideia de quanto capital será necessário para financiar o negócio até que ele se torne lucrativo.

À medida que uma empresa cresce e amadurece, ela precisará de mais caixa para financiar seu crescimento. O planejamento e o orçamento para essas necessidades financeiras são cruciais. A decisão de financiar a expansão internamente ou pedir emprestado a credores externos é uma decisão tomada pelos gerentes financeiros. A gestão financeira está encontrando a fonte adequada de recursos ao menor custo, controlando o custo de capital da empresa e não deixando o balanço patrimonial ficar muito alavancado com dívidas com um efeito adverso em sua classificação de crédito.

Gestão Financeira em Operações Normais

Em suas operações normais, uma empresa fornece um produto ou serviço, faz uma venda ao cliente, recebe o dinheiro e reinicia o processo. A gestão financeira está movimentando o dinheiro de forma eficiente ao longo deste ciclo. Isso significa gerenciar as taxas de giro de matérias-primas e estoques de produtos acabados, vendendo aos clientes e cobrando as contas a receber em tempo hábil e começando com a compra de mais matérias-primas.

Nesse ínterim, a empresa deve pagar suas contas, seus fornecedores e funcionários. Tudo isso deve ser feito com dinheiro e é necessária uma gestão financeira astuta para garantir que esses fundos fluam com eficiência.

Embora as economias tenham um histórico de crescimento de longo prazo, ocasionalmente também sofrerão quedas acentuadas. As empresas devem se planejar para ter liquidez suficiente para enfrentar essas crises econômicas, caso contrário, podem precisar fechar as portas por falta de dinheiro.

Relatórios sobre operações comerciais

Cada empresa é responsável por fornecer relatórios de suas operações. Os acionistas desejam informações regulares sobre o retorno e a segurança de seus investimentos. Os governos estaduais e locais precisam de relatórios para que possam coletar impostos sobre vendas. Os gerentes de negócios precisam de outros tipos de relatórios, com indicadores-chave de desempenho, que medem as atividades de diferentes partes de seus negócios.

Da mesma forma, um sistema de gestão financeira abrangente é capaz de produzir os vários tipos de relatórios necessários a todas essas diferentes entidades.

Arquivamento e pagamento de impostos

O governo está sempre por perto para cobrar impostos. A gestão financeira deve planejar o pagamento de seus impostos em tempo hábil.

A gestão financeira é uma habilidade importante de todo proprietário ou gerente de pequena empresa. Cada decisão tomada por um proprietário tem um impacto financeiro na empresa, e ele deve tomar essas decisões dentro do contexto total das operações da empresa.